A importância da hidratação para as mãos no inverno (Dica para Banhistas)

Publicado em: 12/05/2015 | Categoria: Dicas Pets

Nos meses de inverno, onde temos temperaturas e umidade relativa do ar muito baixas, é comum que os banhistas fiquem com as mãos extremamente ressecadas.

Abaixo segue as causas e dicas de como evitar ou pelo menos 
diminuir drasticamente a ocorrência.

Os banhistas utilizam shampoos (adstringentes), água, secadores e sopradores durante todo o horário de trabalho, portanto há a retirada excessiva da oleosidade da pele. Em dias que a umidade relativa do ar está dentro da normalidade (50% a 80% de acordo com a Organização Mundial da Saúde) esse ressecamento não é notado, no entanto nos três meses consecutivos de inverno, onde a umidade fica abaixo de 30% e temperaturas muito baixas esse ressecamento é intensificado. Todos notamos ressecamento da pele nesse período, porém em profissionais de banho & e tosa, cabeleireiros, lava rápido e etc esse ressecamento é muito maior. Nos animais também pode ocorrer, no entanto com prevalência mínima, pois tomam banho no máximo uma vez por semana (não estando constantemente em contato com shampoo), mas pode acontecer quando não utilizado o condicionador nos banhos, permanência de resíduo (enxágue ineficiente do shampoo) ou pele extremamente sensível.

 

Com o conhecimento necessário das causas, as principais orientações são:

 

  • Uso frequente de hidratante para as mãos. Em todo e qualquer intervalo usar hidratantes, inclusive antes de dormir para que haja maior tempo de contato.
  • Atentar-se ao enxágue das mãos
  • Uso de condicionador em todos os animais (isso já ajudará a hidratar as mãos também)
  • Enxágue eficiente (garantindo a ausência de resíduo)

Toda profissão tem o famoso “Ossos do ofício”, o ressecamento das mãos em época de frio e seca são os ossos do ofício dos profissionais de banho e tosa.


Carolina V. B. Ferraz
CRMV-SP 22.835





Deixe seu comentário