5 dicas para auxiliar no tratamento de alergia canina

Publicado em: 09/02/2018 | Categoria: Dicas Pets

A alergia é um mal muito comum entre nossos pets, pois pode ter como causa inúmeros agentes, desde rações, parasitas, produtos de higiene e até mesmo predisposição genética (que faz com que a probabilidade de alguns tipos de raças desenvolverem essa doença seja maior).

Algumas sintomas de alergia são:

  • Coceira intensa;

  • Inflamação local;

  • Feridas na pele;

  • Queda de pelos (falhas);

  • Prática anormal de lambedura;

  • Inflamação nos ouvidos (por conta do hábito intenso do cão coçar as orelhas).

     

1. Procurar imediatamente um médico veterinário

Apenas um especialista saberá diagnosticar com exatidão as causas de determinados sintomas e como proceder em cada caso, já que diversas dermatites tem sintomas muito parecidos, indicando assim os melhores medicamentos e procedimentos a serem seguidos nesse caso.

 

2. Medicação

Utilizar a medicação prescrita pelo veterinário é de extrema importância, pois auxiliará no processo de cura do seu animalzinho, ou no controle da alergia, principalmente se a mesma for crônica, ou seja, que não pode ser curada, mas pode ser controlada.

 

3. Controle Alimentar

Caso a alergia tenha sido apenas por motivos alimentares, o primeiro passo é a eliminação dos alimentos que possam causá-la e a introdução de rações hipoalergênicas no cardápio do pet. Se necessário peça ajuda a seu médico veterinário para prescrever uma dieta.

 

4. Controle de parasitas

Muitas alergias são desencadeadas por agentes parasitários que não são devidamente tratados, dessa forma manter os antiparasitários em dia é primordial para a saúde do seu pet. Por existirem diversos  tipos de produtos, é recomendável que procure um especialista para melhor indicação. Lembre-se também de manter a higienização periódica do seu lar principalmente nos locais onde seu animal fica, mesmo que ele não apresente sinais de alergia.

 

5. Higienização correta  

Alguns tipos de dermatites se dão por produtos de higiene, dessa forma, é essencial a utilização de produtos específicos para pets, com baixa irritabilidade dérmica  e preferencialmente hipoalergênicos, para que a chance do desencadeamento de algum tipo de alergia seja menor e haja manutenção da saúde e da qualidade da pele e da pelagem do animal.

 


Por fim o importante é prestar atenção nos sinais que seu animalzinho lhe dá e proceder a partir deles, para assim garantir conforto e saúde para nossos pets.
 





Deixe seu comentário